ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Samuel e Roberta Campos em live da Sinfônica Heliópolis

Evento acontece neste sábado, dia 27 de junho, a partir das 17 horas

22/06/2021

Neste sábado, dia 27 de junho, a partir das 17 horas, a Orquestra Sinfônica Heliópolis (formada na comunidade de mesmo nome, na zona sul de São Paulo) sobe ao palco do Auditório Ibirapuera ao lado do cantor e compositor Samuel Rosa, líder da banda Skank, com participação da cantora Roberta Campos e de Simoninha. O concerto será transmitido ao vivo pelo YouTube.

O evento faz parte da série de concertos populares “Heliópolis & Simoninha Convidam”  e integra a Temporada de Concertos 2021 do Instituto Baccarelli. Com curadoria do cantor, compositor e produtor musical Wilson Simoninha, a série funde o melhor da música popular com a linguagem orquestral. No repertório, sucessos do Skank, como “Dois Rios” e “Vou Deixar”, e também da cantora Roberta Campos, como “De Janeiro a Janeiro” e “Simplesmente”, esta última gravada com o próprio Skank.

Samuel Rosa já se apresentou ao lado da OSH em outras oportunidades, como no final de 2019, no palco do Theatro Municipal de São Paulo, acompanhado de centenas de outros alunos de Heliópolis. Por conta desse vínculo, Samuel tem apoiado pessoalmente as campanhas de doações destinadas aos moradores da maior favela de São Paulo, chegando a dedicar metade da arrecadação de fundos da live realizada pelo Skank no Mineirão, em maio de 2020, para o Instituto Baccarelli. Durante a live do dia 27, ele também vai incentivar a ajuda para a frente Tocando Juntos Por Heliópolis, lembrando que as pessoas continuam lutando para sobreviver à crise agravada pela pandemia.

A programação da temporada (como um todo) tem música erudita e popular, alternando repertórios instrumentais – nos segundos domingos de cada mês – com os concertos populares, nos quartos domingos do mês. Ao longo do ano vão sendo divulgados os nomes das atrações e dos convidados que irão se apresentar ao lado dos jovens músicos. O maestro Edilson Ventureli assumirá a regência da maioria dos concertos, que não poderão contar, ainda (por conta da pandemia), com o maestro titular e diretor artístico da OSH, Isaac Karabtchevsky.

 

Fonte portalsucesso

Comentários