ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Prefeitura de Guarapuava exonera funcionário que participou de festa clandestina

Mesmo ciente das medidas restritivas impostas pelo município para conter o avanço do Coronavírus, o funcionário que era nomeado como assessor e ganhava cerca de cinco mil reais por mês, fez parte de aglomerações em uma festa clandestina.

02/06/2021

O funcionário comissionado da prefeitura que participou de uma festa clandestina no último fim de semana, foi demitido ontem. A exoneração assinada pelo prefeito Celso Góes consta no Diário Oficial de 1 de junho. O assessor que ganhava cerca de 5 mil reais por mês, era assessor nível um e estava lotado no Procon, segundo dados do portal da transparência.

No sábado, ele foi flagrado pela polícia junto com um grupo de pessoas em aglomeração, descumprindo as restrições em vigência no município. Ele foi multado em dobro por ser funcionário da prefeitura. Além disso, o ex-assessor responderá na Justiça pelo descumprimento de medida sanitária. Consta no processo do caso que no dia 16 de agosto uma audiência deverá ocorrer sobre o caso.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar