ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Plataforma de vídeos cristãos, Magnificat é lançada no Brasil

Serviço de streaming chega ao mercado atento à procura cada vez maior do público religioso por conteúdo on-line e por demanda.

28/07/2021

Clique AQUI e ouça esta matéria:

As plataformas on demand (por demanda) chegaram para revolucionar o mercado de entretenimento. E, especialmente em tempos de COVID-19, esse setor ganhou força e se tornou alternativa de lazer e descanso em meio às incertezas do momento. Para os cristãos, um dos grandes desafios foi a impossibilidade da participação presencial em celebrações litúrgicas. E, atenta a esta necessidade, a Igreja Católica lançou mão de um recurso já utilizado pelos veículos de comunicação e, agora, também por paróquias e até pequenas comunidades: a missa on-line.

Cada vez mais familiarizados com essas transmissões, os fiéis foram em busca de outros conteúdos, como filmes e séries que tratassem de fé e valores. E se, por um lado, as grandes plataformas de streaming detêm um volumoso catálogo de títulos, por outro, o público católico ainda carecia de uma opção mais focada em sua demanda. É aí que começa a história da Magnificat.

UM NOVO PLAYER PARA LEVAR O BEM

A Magnificat está em teste desde março e foi lançada oficialmente na sexta-feira passada, 23 de julho, no maior evento de comunicação católica do Brasil, o MUTICOM (Mutirão de Comunicação), promovido pela Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Cheia de personalidade, a Magnificat traz para esse segmento uma “sublime experiência” em inovação e qualidade, a começar pelos conteúdos, que incluem filmes e séries, e podem ser acessados através de celulares, televisores e computadores.

“A ideia deste projeto veio como inspiração de Nossa Senhora durante um período de retiro espiritual em uma comunidade católica de Goiânia, em 2020”, lembrou Manoel Calaça, um dos sócios fundadores da plataforma. Ele é proprietário da Caikron Tecnologia, empresa que atua desde 2010 no mercado de streamings e aplicativos.

A outra parte da sociedade está nas mãos de Angela Morais, CEO da Kolbe Arte Produções, especialista em conteúdo católico. “A expectativa é que, ao acessarem Magnificat, as pessoas não tenham ao toque dos dedos apenas mais um local onde possam zapear e mais um menu de opções. Queremos que, ao navegarem, elas possam vivenciar como é de fato sublime assistir a um filme ou seriado, seja ele religioso ou não, sem interrupções, com a qualidade e o serviço que só nós iremos oferecer”, pontuou Angela.

NA ESTEIRA DO MERCADO AUDIOVISUAL

Dados da Comscore referentes ao ano de 2020 revelam que mais da metade dos brasileiros conectados à Internet são alcançados por serviços over-the-top exceto YouTube, cuja penetração é ainda maior (96%). Ao mesmo tempo, segundo o IBGE, mais de 50% da população nacional se declara católica. Esses números, quando analisados em conjunto, revelam o alto potencial da Magnificat.

De acordo com um levantamento feito pela própria Magnificat, o Brasil dispõe, entre geradoras e repetidoras, de mais de 1,3 mil canais católicos na TV aberta, reunidos em seis redes nacionais e três regionais. O novo serviço de video on demand chega, portanto, para somar a esse grande complexo de evangelização audiovisual.

Estimativas apontam para a existência de mais de 4,5 mil serviços de streaming no mundo, mas ainda são poucos aqueles que se assumem católicos. Um exemplo é a VatVision, lançada em Roma no ano de 2020 e que logo foi apelidada pela imprensa de “Netflix cristã”.

Clique AQUI para acessar a plataforma:

Por Escola de Comunicação Católica, com informações de Magnificat

Galeria de Fotos

Comentários