ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Lobão cruza a soleira da obra de Zé Ramalho com single "Avôhai"

A data de lançamento está prevista para 16 de abril

07/04/2021

De barbas longas, Lobão cruza a soleira da obra de Zé Ramalho e entra no universo apocalíptico do cancioneiro do compositor paraibano.

Enquanto finaliza a gravação de Flores astrais (João Ricardo e João Apolinário, 1974), sucesso do segundo álbum da banda Secos & Molhados, Lobão anuncia para 16 de abril a edição do single com o registro de Avôhai, uma das composições mais emblemáticas da obra de Ramalho.

Apresentada em disco no primeiro álbum do cantor, Zé Ramalho (1978), Avôhai é a música escolhida para ser o décimo single do álbum Canções de quarentena, gravado por Lobão desde julho de 2020, inicialmente na cidade do Rio de Janeiro (RJ) e, desde dezembro, no estúdio montado pelo artista na em Chácara Monte Alegre, em São Paulo.

No álbum Canções de quarentena, Lobão faz abordagens de músicas do universo da MPB e do pop brasileiro da década de 1970.

Eis, na ordem cronológica de lançamento, os dez primeiros singles do álbum Canções de quarentena, de Lobão:

1. O trem azul (Lô Borges e Ronaldo Bastos, 1972)

2. BR-3 (Antonio Adolfo e Tibério Gaspar, 1970)

3. Canteiros (Fagner sobre poema de Cecília Meirelles, 1973)

4. Pedaço de mim (Chico Buarque, 1978)

 

Fonte g1

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar