ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Escrivães reforçam estrutura de atendimento da Polícia Civil

Novos servidores tomaram posse nesta terça-feira (08) de forma descentralizada por causa da pandemia. Eles aguardam a entrada em exercício em 4 de janeiro de 2021, com a matrícula na Escola Superior de Polícia Civil para o curso de formação obrigatório.

08/12/2020

Tomaram posse nesta terça-feira (08) 192 escrivães na Polícia Civil do Paraná (PCPR). Em razão da pandemia, a solenidade foi descentralizada. Os novos servidores assinaram os documentos separadamente, 122 deles em Curitiba, 35 em Cascavel, no Oeste do Estado, e 36 em Londrina, no Norte. 

Agora, eles aguardam a entrada em exercício em 4 de janeiro de 2021, com a matrícula na Escola Superior de Polícia Civil para o curso de formação obrigatório. Após conclusão do curso serão designados de forma estratégica para trabalhar em delegacias da PCPR.

O aumento do quadro efetivo de escrivães faz parte do planejamento estratégico desenvolvido pela PCPR, em conjunto com o Governo do Estado. 

“Trabalhamos para poder fornecer um serviço mais adequado para todos os paranaenses e esse reforço no efetivo da Polícia Civil vem para somar, para trabalhar em conjunto com nosso quadro atual e melhorar a nossa estrutura”, declarou o secretário de Estado da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares.

O delegado-geral da PCPR, Silvio Jacob Rockembach, acredita que a chegada de novos escrivães vai contribuir de forma significativa para os trabalhos de polícia judiciária. “Esse reforço no quadro traz uma melhor estrutura de trabalho para os policiais civis que estão na linha de frente e, com certeza, uma prestação de serviços de excelência para a população”, afirmou.

 

AEN

Comentários