ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Saques de até R$ 500 do FGTS começaram nesta sexta-feira (13)

Serão liberados R$ 5 bilhões para cerca de 12 milhões de pessoas. Saiba quem poderá sacar.

13/09/2019

A Caixa Econômica Federal começou a liberar os saques de até R$ 500 do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) nesta sexta-feira (13) somente para correntistas do banco nascidos entre janeiro e abril. Segundo a Caixa, serão liberados R$ 5 bilhões para cerca de 12 milhões de pessoas.

O dinheiro será depositado automaticamente para quem tem conta poupança individual da Caixa. Para quem tem conta corrente ou conjunta, a liberação ocorrerá apenas se esses correntistas fizeram a autorização de depósito automático até o dia 25 de agosto. A liberação antecipada vale somente para contas abertas na Caixa até o dia 24 de julho deste ano.

(Ouça a matéria completa com o repórter Tonico de Oliveira.Clique no player.)

Saiba tudo sobre a liberação dos saques do FGTS

As agências da Caixa Econômica Federal terão horário de abertura estendido nesta sexta e na segunda e terça-feira da semana que vem para atender aos beneficiários:

As agências que têm horário de abertura às 10h abrirão às 8h;
As agências que têm horário de abertura às 9h abrirão uma hora mais cedo e terão o horário de funcionamento estendido em 1 hora;
As agências que têm horário de abertura às 11h abrirão às 9h;
As agências que têm horário de abertura às 8h permanecem abrindo às 8h e terão horário de funcionamento estendido em 2 horas.
Além disso, as agências da Caixa abrirão neste sábado (14), das 9h às 15h – apenas para atendimentos relativos aos saques.

Quem tem conta poupança e não quer fazer a retirada do dinheiro tem até o dia 30 de abril de 2020 para informar ao banco que prefere manter o dinheiro no Fundo de Garantia. Quem tem conta corrente ou conjunta na Caixa e não autorizou o depósito automático, caso queira fazer o saque, deverá seguir o calendário de quem não tem conta no banco. O saque imediato de até R$ 500 não tem relação com o saque-aniversário, que só começa a ser pago em abril de 2020 (veja mais informações abaixo).

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar