ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Embora suspenso, "Projeto Viva a Vida" continua ajudando com orientações sobre saúde mental

Doutor Cleber tem usado suas redes sociais com frequência para compartilhar orientações sobre saúde mental e como lidar com o isolamento social e suas consequências.

04/06/2020

Com vocação e grande apreço por ações sociais, o médico psiquiatra de Guarapuava José Cleber Ferreira tem dado o seu jeito para ajudar as pessoas neste momento delicado de pandemia e incertezas. Com o projeto Viva a Viva suspenso, ele tem usado suas redes sociais com frequência para compartilhar orientações sobre saúde mental e como lidar com o isolamento social e suas consequências.

Com publicações todas as semanas, incluindo vídeos, o que o tem surpreendido é a grande participação popular através de comentários, agradecimentos e até mesmo perguntas. “Isso tem aumentado significativamente a cada semana e com certeza me deixa feliz, porque mostra que as pessoas estão interessadas no assunto e preocupadas sobre como lidar melhor com toda essa situação”, destacou.

Os temas abordados referem-se, por exemplo, ao possível esgotamento físico e emocional das mulheres que estão praticando home office e têm somado a isso as atividades domésticas. O médico também já falou sobre a proteção necessária aos idosos e como tornar o dia a dia deles mais leve, bem como orienta como conduzir situações adversas entre a família que está passando mais tempo junto em casa.

Sempre com tom de otimismo e leveza, é a forma que o médico tem encontrado para ajudar. “Só é melhor do que as próprias interações o fato de que realmente tem feito a diferença para algumas pessoas e até mesmo famílias, e isso já é muito importante”, disse. “Recebo testemunhos dizendo que as mensagens são uma grande ajuda, são conforto e também força para enfrentar este momento. E é exatamente este o objetivo”, completou.

Os endereços das redes sociais são @drcleberf no Facebook e @drjosecleber no Instagram.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar