ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

50% foi o aumento dos registros de casos de Coronavirus em Guarapuava

De quinta-feira (30) para a sexta-feira, primeiro de maio, o boletim passou de 10 para 15 casos confirmados.

02/05/2020

Em Guarapuava desta quinta (30) para sexta-feira (01) os casos de coronavírus registrados no boletim da Secretaria Municipal de Saúde aumentaram em 50%. De 10, os casos confirmados, com exame positivo, da Covid-19, passaram para 15. Estão em investigação, aguardando o resultado do exame,  13 casos. Ainda 152 pessoas estão sendo monitoradas em isolamento domiciliar.

Mesmo com a curva ascendente percebe-se que em Guarapuava ainda há muitas pessoas que não usam máscara, e vê-se aglomerações se formando em praças, parques, filas de banco e lotéricas.

A obrigadoriedade do uso de máscara passou a valer no Paraná, através de lei 20.189/20 , na última quarta-feira (29). A lei determina que a população use máscaras de tecido em espaços abertos ao público ou de uso coletivo, como ruas, parques e praças, estabelecimentos comerciais, industriais e bancários, repartições públicas, assim como no transporte público de passageiros (ônibus, trens, aviões, taxis e aplicativos de transporte) e onde houver aglomeração de pessoas. 

A multa para quem descumprir a lei varia de uma até cinco Unidades Padrão Fiscal do Paraná (UPF/PR), para pessoas físicas, e de 20 a 100 Unidades Padrão Fiscal do Paraná (UPF/PR), para pessoas jurídicas. A unidade fiscal equivale hoje a R$ 106,60. Em caso de reincidência os valores poderão ser dobrados. O problema é que ainda não há um decreto que regulamente a forma de fiscalização.

Apesar do aumento do número de casos da doença está previsto para segunda-feira, 04 de maio, a diminuição do número de ônibus circulando em Guarapuava, o que pode, em tese, aumentar a quantidade de pessoas dentro dos ônibus e consequentemente tornar maior o risco de contágio. A Setran, Secretaria de Trânsito de Guarapuava, disse que o motivo da adaptação é diminuição do número de usuários, mesmo após a retomada do comércio. Por outro lado, menos ônibus nas ruas significa diminuição de custos para a empresa prestadora do serviço, a Pérola do Oeste.

O Paraná tem ao todo 1.447 casos já confirmados, sendo que 89 morreram em decorrência da Covid-19. 

De acordo com o site G1, no Brasil foram registradas 6.434 mortes provocadas pela Covid-19 e 92.630 casos confirmados.

Por Jorge Teles

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar