ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Paraná chega a 111 mortes e mais de 128 mil casos confirmados de dengue

Boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) foi divulgado nesta quarta-feira (22).

22/04/2020

Em uma semana, o Paraná registrou 13.694. novos casos de dengue e teve seis novas mortes pela doença, segundo boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), divulgado nesta quarta-feira (22). Duzentos e três municípios, de um total de 399, enfrentam epidemia da doença. Desde julho do ano passado, o estado soma 128.405 mil casos confirmados da doença e 111 mortes.

As seis mortes da última semana são de um homem de 81 anos e uma mulher de 71, que moravam em Cambé, outra mulher, de 63 anos, que residia em Primeiro de Maio, uma mulher de 68 anos, de Alvorada do Sul, uma moradora de Marechal Cândido Rondon, que tinha 87 anos, e um homem de 57 anos que residia em Rondon.

Do total de municípios em epidemia, oito passaram para o patamar nesta semana. São eles: Pérola D´Oeste, Céu Azul, Espigão Alto do Iguaçu, Mamborê, Francisco Alves, Iporã, Rancho Alegre e Carlópolis. Trinta cidades estão em situação de alerta para epidemia: Paranaguá, Palmital, Cruzeiros do Iguaçu, Boa Vista da Aparecida, Catanduvas, Arapongas e Ortigueira.

Novo caso de chikungunya

O boletim da Sesa apontou ainda um novo caso de chikungunya no município de Marialva, na região noroeste. A vítima é uma mulher, que contraiu a doença na Bahia, em janeiro desse ano. A paciente está bem, segundo a secretaria de Saúde, e está sendo acompanhada por um médico reumatologista.

Ao todo, os casos de chikungunya somam cinco no Paraná. Todos eles são importados, ou seja, adquiridos em outros estados.

A zika, outra doença transmitida pelo mosquito Aedes Aegypti, mantém quatro casos confirmados no estado. Três deles são autóctones e um caso é importado.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar