ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Golpista de Guarapuava efetuou compras com documentos de outra pessoa

Crime foi descoberto ontem (16) e vítima procurou a Polícia Militar para denunciar.

17/04/2020

Uma mulher de 30 anos foi conduzida à Delegacia de Guarapuava na noite desta quinta-feira (16) depois que confessou ter usado documentos de outra pessoa para efetuar diversas compras em uma loja de São Paulo. Usando o nome e documentos de outra pessoa ela fez diversas compras de utensílios domésticos.

A vítima, uma mulher de 49 anos, moradora do Bairro Industrial, procurou ajuda da Polícia após receber uma ligação de uma empresa de São Paulo, informando que as compras estavam sendo feitas em seu nome.

A Polícia foi até o endereço onde os produtos foram entregues e localizou  a suspeita que confessou o crime. Os produtos estavam na casa dela. A mulher disse que não possuía nota fiscal e apenas recebia o carnê para efetuar o pagamento no momento da entrega, porém após receber os produtos jogava os carnês no lixo para que seu marido não descobrisse o fato.

Dentre os itens comprados pela golpista estão um notebook, celular, penteadeira, cômoda, colchão, cozinha, impressoras, tapete, geladeira, liquidificador, batedeira, dentre outros.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar