ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Prazo para adesão ao Refis 2019 é prorrogado até junho

Possibilita a regularização dos débitos com redução de multa e juros e parcelamento em até 180 vezes.

25/04/2019

A adesão ao programa de parcelamento de débitos de ICMS e dívidas ativas não tributárias instituído no novo Refis foi prorrogado para o dia 18 de junho. O Refis 2019 possibilita a regularização dos débitos com redução de multa e juros e parcelamento em até 180 vezes. No momento da adesão, o contribuinte deve indicar todos os débitos que pretende parcelar, sendo que a primeira parcela deve ser paga até o último dia útil do mês da adesão e as demais até o último dia útil dos próximos meses.

No caso de pagamento em parcela única, basta emitir a guia e fazer o pagamento. Tanto o parcelamento quanto o recolhimento em parcela única devem ser feitos até às seis horas da tarde do dia 18 de junho. Com o Refis, os créditos tributários de ICM e ICMS de fatos ocorridos até 31 de dezembro de 2017, inscritos ou não em dívida ativa, podem ser pagos em parcela única com redução de 80% na multa e 40% nos juros. No caso de até 60 parcelas, há redução de 60% na multa e 25% nos juros.

Em até 120 parcelas, redução de 40% na multa e 20% nos juros; e em até 180 parcelas, há redução de 20% na multa e 10% nos juros. Para as dívidas não tributárias, as reduções são somente sobre os encargos moratórios, e são de 80% para pagamento em parcela única, 60% nos parcelamentos em até 60 meses, e 40% em até 120 vezes. A adesão ao Refis 2019 deve ser feita no site www.fazenda.pr.gov.br. A Receita Estadual tem uma página para o contribuinte verificar se tem débitos vinculados para o pagamento, o refis.fazenda.pr.gov.br. Basta informar o CPF e selecionar as dívidas passíveis de negociação.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar