ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Alta da carne de frango diminui competitividade no mercado interno

Em São Paulo, o valor da granja subiu 30% e o atacado, 18,6%, em relação ao ano passado.

24/09/2018

Os preços do frango continuam em alta. Isso, porque, segundo o Centro de Pesquisas em Economia Aplicada, o Cepea, a buscas pela carne de frango aumentou não só interna, mas externamente.

A valorização da proteína tem superado até os aumentos nos preços das carnes substitutas: bovina e suína. E isso mostra que a concorrência do frango tem diminuído, no país.

Em São Paulo, por exemplo, o preço de frango na granja e no atacado aumentaram. Enquanto o valor da granja subiu 30%, o atacado aumentou 18,6%, em relação ao mesmo período do ano passado.

Em contrapartida, a procura externa mostra que o volume diário de carne de frango que saiu do Brasil superou em 26% as retiradas em agosto. De acordo com a Secretaria de Comércio Exterior, a Secex, se o ritmo se mantiver, o país pode apresentar bom desempenho nas exportações.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar