ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Homem cai da moto, é "socorrido" pela Polícia e preso por embriaguez

Além de dirigir embriagado, homem não era habilitado e moto tinha pendências na documentação.

03/02/2018

Na última quinta-feira (1º), por volta das 18h30min, uma equipe da Polícia Militar patrulhava pela  Av. Moacir Julio Silvestri e se deparou com um motociclista caída na via. Ao prestar apoio ao condutor foi verificado que ele apresentava sintomas de embriaguez. Consultado via sistema de informações, também foi verificado que o condutor não é habilitado para conduzir motocicleta, sendo habilitado apenas na categoria "C", e sua CNH encontra-se com o prazo de validade vencido há mais de 30 dias. O condutor foi convidado a fazer o teste etilométrico, onde obteve-se o resultado de 1,36 mg/l. A motocicleta conduzida, uma Sundown/ Max 125, na cor prata, constava com pendências de licenciamento e foi recolhida ao pátio do 16º BPM. Em seguida foi dada voz de prisão ao condutor e conduzido até a 14ª SDP, para os procedimentos de polícia judiciária onde também foram confeccionados os autos de infração de trânsito cabíveis.

Demais ocorrências do dia 1º de fevereiro.

OCORRÊNCIAS COM ENCAMINHAMENTO

01 – CUMPRIMENTO DE MANDADO JUDICIAL No dia 1º fev. 18, às 08h23min, a equipe deslocou até a Rua Alfredo Fabiane, Primavera, para dar atendimento a uma pessoa vítima de arma branca. No local foi repassado que seria determinada pessoa, porém, ao verificar os dados da vítima no sistema, foi verificado que se tratava de outra pessoa (28), o qual encontra-se com um mandado de prisão em seu desfavor pelo artigo 158 – Extorsão, pela 2ª vara criminal de Guarapuava. Foi indagado o abordado sobre quem teria lhe ferido, sendo informado que o autor reside nos fundos da casa de sua irmã, sendo que teria utilizado um facão para lhe ferir. Em seguida teria realizado disparos de arma de fogo próximo do local onde a vítima estaria homiziada, a vítima ainda declarou que o autor estaria com um mandado de prisão em aberto e que sempre anda com armas de fogo. Diante dos fatos, após receber atendimento médico, o mesmo foi encaminhado para 14ª SDP, para as medidas cabíveis.

02 – LESAO CORPORAL / POSSE IRREGULAR DE ARMA DE FOGO No dia 1º fev. 18, às 12h05min, em continuação ao BOU anterior, onde o autor também teria efetuado disparos de arma de fogo com uma espingarda, a equipe iniciou um patrulhamento e após informações repassadas pela irmã da suposta vítima, foi deslocado até a Estrada do Rocio, Aeroporto, onde foi localizado o autor (38), o qual relatou que teria agredido a vítima para se defender, pois o mesmo teria sido flagrado tentando furtar uma motocicleta. Com prévia autorização de buscar domiciliar, foram realizadas buscas na residência e localizado um facão da marca Tramontina, com 38cm de lâmina, o mesmo utilizado, e também uma espingarda calibre .22, short- long, da marca Amadeo Rossi, capacidade para 15 munições, com uma munição .22 CBC intacta. Também foi localizado um estojo deflagrado de .44 CBC e uma munição 9mm da marca Aguila, com perfuração na lateral do estojo. Indagado o autor sobre a origem do armamento, afirmou ter comprado por 1.500 reais de uma terceira pessoa, e diz desconhecer a pessoa constante como proprietário da arma no sistema de registro. Diante dos fatos, o autor recebeu voz de prisão e foi conduzido para 14ª SDP.

03 – AMEAÇA No dia 1º fev. 18, às 16h20min, a equipe deslocou até o fórum de Guarapuava, na Av. Manoel Ribas, Santana, onde duas mulheres (24 e 40) passaram a fazer ameaças contra um policial militar que chegou no local para testemunhar em um processo, onde o mesmo teria realizado a prisão do referido réu. Ambas foram encaminhadas até o Cartório do Termo Circunstanciado.

04 – CUMPRIMENTO DE MANDADO JUDICIAL No dia 1º fev. 18, às 18h30min, a equipe tomou conhecimento de um mandado de prisão expedido pela 2ª vara criminal de Guarapuava em desfavor de um homem (62). Diante dessa informação, foi deslocado até a Rua Aurora Losso, Boqueirão e realizada a abordagem do mesmo em frente a sua residência, sendo conduzido para a 14ª SDP para os procedimentos cabíveis.

05 – CONDUZIR VEÍCULO SOB A INFLUÊNCIA DE ÁLCOOL No dia 1º fev. 18, às 18h30min, em patrulhamento pela Av. Moacir Julio Silvestri, 00, Centro a equipe se deparou com um motociclista caída na via; ao prestar apoio ao condutor que foi identificado (54), sendo verificado que o mesmo apresentava sintomas de embriaguez. Consultado via sistema de informações, também foi verificado que o condutor não é habilitado para conduzir motocicleta, sendo habilitado apenas na categoria "C", e sua CNH encontra-se com o prazo de validade vencido há mais de 30 dias. O condutor foi convidado a fazer o teste etilométrico, onde obteve-se o resultado de 1,36 mg/l. A motocicleta conduzida, uma Sundown/ Max 125, na cor prata, constava com pendências de licenciamento e foi recolhida ao pátio do 16º BPM. Em seguida foi dada voz de prisão ao condutor e conduzido até a 14ª SDP, para os procedimentos de polícia judiciaria onde também foram confeccionados os autos de infração de trânsito cabíveis.

06 – CUMPRIMENTO DE MANDADO JUDICIAL No dia 1º fev. 18, às 22h00min, em patrulhamento pela Rua Luiz Borges de Lins, Morro Alto, foi dada voz de abordagem a um grupo de pessoas, sendo que ao consultar um dos abordados (42) foi constatado que havia contra o mesmo um mandado de prisão em seu desfavor pelo crime de tráfico de drogas, art. 33 expedido pela Juíza de direito da Vara de Execuções Penais e Corregedoria dos Presídios, sendo encaminhado para a 14ª SDP para as medidas cabíveis. 07 – LESÃO CORPORAL / VIOLÊNCIA DOMÉSTICA No dia 1º fev. 18, às 22h35min, a equipe foi acionada pelos vizinhos, os quais relatavam que o autor (31) estava espancando sua mãe na Rua Pedro Michalouski, Bonsucesso. No local, a equipe encontrou outro irmão agredindo o irmão pelo fato deste ter batido na mãe de ambos e mordido o dedo polegar direito dela, vindo a quebra-lo. Diante dos fatos, a equipe deu voz de prisão ao autor das agressões contra a mãe, sendo este conduzido até a 14ª SDP, estando demasiadamente alterado em razão da embriaguez. Foi acionado o SAMU que se fez presente através da viatura “b”, para conduzir a vítima até a UPA Batel para atendimento médico.

OCORRÊNCIAS SEM ENCAMINHAMENTO:

01 – ROUBO No dia 1º fev. 18, às 14h00min, na Marginal da BR 277, Morro Alto, relatou o solicitante que chegou na empresa de madeiras, uma pessoa vestida de bermuda jeans e moletom preto de estatura alta, moreno, com um veículo GM/ Corsa prata, com para-choque traseiro e dianteiro preto, o mesmo após ter solicitado emprego e pedido um copo de agua, sacou uma arma de fogo e anunciou o roubo. O autor levou dinheiro da empresa, sendo efetuadas buscas, porém não foi localizado.

OCORRÊNCIAS DE TRÂNSITO:

01 – ATENDIMENTO DE ACIDENTE No dia 1º fev. 18, às 13h50min, na Av: Serafim Ribas x Rua Itapemirim, Bairro Boqueirão, acidente de trânsito tipo abalroamento transversal, envolvendo um Fiat/ Palio que transitava pela Rua Itapemirim sentido Bairro Boqueirão/ Bairro Vila Bela, quando no cruzamento com a Av Serafim Ribas envolveu-se em acidente de trânsito com uma Bicicleta de cor vermelha, Marca Monark, que transitava pela ciclofaixa da Av Serafim Ribas, sentido Bairro Boqueirão/ Bairro Santa Cruz. Do evento, danos materiais de pequena monta nos veículos e ferimentos no ciclista que foi socorrido pelo Siate e encaminhado até a UPA do Batel. O Pálio foi liberado no local para a condutora e a bicicleta, conforme solicitação do condutor, ficou sob responsabilidade da condutora do Pálio, a qual iria guardar em sua residência.

02 – ATENDIMENTO DE ACIDENTE No dia 1º fev. 18, às 17h15min, a equipe deslocou até a Rua Pedro Alves x Rua Manoel Marcondes, Bairro Batel, porém no local não foi constatado acidente de trânsito nem mesmo vestígios deste. Em contato com o Corpo de Bombeiros, os mesmos informaram que a vítima havia sido socorrida para a UPA do Batel. A equipe então deslocou na UPA e identificou a vítima, que relatou que transitava com uma Yamaha/T115, Crypton pelo endereço citado e sofreu uma queda.

OCORRÊNCIAS EM OUTROS MUNICÍPIOS OU LOCALIDADES:

CANDÓI

01 – ATENDIMENTO EM LOCAL DE MORTE No dia 1º fev. 18, às 03h00min, a equipe deslocou até o beco da Rua Gerônimo Ribeiro Ramos, onde relatou a solicitante que estava dormindo com seu marido, e que duas ou três pessoas invadiram sua casa e começaram a atirar contra ele. Relatou que acordou com um empurrão na cama, escutou os tiros, correu para o quarto de seus filhos, depois que os autores saíram, correu pedir ajuda e viu as pessoas correndo sentido da rua Gerônimo Ribeiro Ramos, porém não soube precisar as características dos autores. Quando a equipe chegou no local, a vítima já estava em óbito, sendo acionado os órgãos competentes onde compareceram no local o investigador da Policia Civil, Criminalística e o IML, PINHÃO

02 – APOIO A OUTROS ÓRGÃOS / DESOBEDIÊNCIA / RESISTÊNCIA No dia 1º fev. 18, às 08h00min, foi dado cumprimento à Ordem de Serviço, referente à Operação Bate Grade na delegacia de Pinhão, na Rua XV de novembro, 257, Centro, sendo utilizado o cão de faro de entorpecentes, e ao término da busca dos agentes penitenciários foram apreendidos 57,6 g de substância análoga a Maconha, 1 celular, 7 estoques (armas improvisadas), 7 "serrinhas", 4 carregadores e 4 sementes de substância análoga a Maconha, materiais que ficaram em posse da delegacia. Durante operação bate grade um detento (30) começou a incitar os demais detentos que encontravam-se sentados no solário, aguardando o término da busca por parte dos Policiais Civis, dizendo "vamos quebrar a cadeia". Diante dessas palavras os demais presos também começaram a fazer movimentos bruscos, sendo dada ordem para que o detento cessasse a conversa, não sendo acatada tal ordem. Foi ordenado para que o mesmo se levantasse e se retirasse do local, porém não obedeceu tal ordem. Diante das negativas, policiais se aproximaram para retira-lo do local, entretanto o detento ofereceu resistência física, sendo necessário o uso de spray de pimenta. Somente após o uso do spray foi possível retira-lo da carceragem, sendo conduzido o mesmo até o 4º pelotão, para a confecção de Termo Circunstanciado por Desobediência e Resistência. CAMPINHA DO SIMÃO

03 – ADULTERAÇÃO DE SINAL IDENTIFICADOR DE VEÍCULO AUTOMOTOR No dia 1º fev. 18, às 18h30min, em patrulhamento pela Rua Principal da Vila Jair, Bairro Industrial no município de Campina do Simão, foram visualizados dois veículos transitando um do lado do outro, momento que foi dado voz de abordagem, sendo que o veículo Gol arrancou bruscamente, evadindo-se do local. A equipe optou então em realizar acompanhamento tático da motocicleta, onde a equipe obteve êxito de realizar a abordagem em frente à residência do condutor, sendo verificado que o lacre da placa estava rompido, o número do motor pinado e o local do chassi tampado com uma fita isolante. Foi dada voz de prisão ao condutor por adulterar sinal de identificação de veículo automotor, sendo conduzido a 14ª SDP, para serem tomadas as medidas legais cabíveis. Consultado a placa do outro veículo que empreendeu fuga e verificado que o proprietário se tratava do irmão do condutor da motocicleta apreendida, o qual possui diversas denúncias por furtos ocorridos na região, inclusive responde processo por furto ocorrido recentemente. Os números pinados do motor estavam parcialmente visíveis e a suspeita de que se trate de uma motocicleta roubada na cidade de Guarapuava no ano de 2016. PRUDENTÓPOLIS

04 – DROGAS PARA CONSUMO PESSOAL No dia 2 fev. 18, às 00h30min, em patrulhamento e arrastão na Rua Joao XXIII, Vila da Luz, foi avisado um indivíduo em atitude suspeita pelas equipes policiais que desta forma, foi abordado e identificado (29). Quando foi dada voz de abordagem, o autor dispensou um objeto na cor branca no chão, porem quando da busca pessoal foi encontrado em seu bolso traseiro da bermuda certa quantia de Maconha, pesando quatro gramas. Realizada busca no chão e encontrado um invólucro pequeno na cor branca com uma pedra de Crack, pesando meia grama. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao autor o encaminhado até a sede da 4ª Cia PM para a lavratura do Termo Circunstanciado. 

Informações do relatório da Polícia Militar, elaborado pelo 16º BPM.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar