ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Justiça nega pedido de Carli Filho para transferir júri popular de Curitiba

Carli é acusado de dirigir embriagado e matar dois jovens em um acidente de trânsito em 2009.

31/01/2018

Foi negado nesta terça-feira (30) pelo desembargador Naor R. de Macedo o pedido liminar da defesa do ex-deputado Luiz Fernando Ribas Carli Filho para que o júri popular seja transferido de Curitiba.

O júri popular está marcado para os dias 27 e 28 de fevereiro. A defesa do ex-deputado argumenta que os jurados são parciais, "diante da existência de campanha publicitária/política em desfavor do acusado".Argumenta, ainda, que "há fortes indicativos de comoção social e intranquilidade na comunidade local, atraindo o interesse da ordem pública”.

Para o desembargador convocado como relator, porém, os argumentos da defesa de Carli não são suficientes.

Três desembargadores da 1º Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) devem discutir, novamente, o mérito do pedido da defesa.

 

Fonte: G1

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar