ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Irati: Acadêmicos da Guairacá implantam projetos para melhoria do atendimento na Santa Casa

Eles também ministraram capacitação sobre Técnica Asséptica de Reconstituição e Diluição de Medicamentos.

04/10/2017

Os acadêmicos Ronaldo Bobrosvski, Gabriel Lima Niebuhr dos Santos e Nara Fabieli Zarpellon, do 8º Período do curso de Enfermagem da Faculdade Guairacá, estão desenvolvendo vários projetos na Santa Casa de Irati.

Gabriel apontou para a necessidade de indicações na porta de emergência do Pronto Socorro, ainda adequou as ferramentas para o seu fechamento automático e os fixadores que a mantém aberta durante a passagem das macas. A ação oferece mais segurança para todos, melhora o controle do fluxo de entrada e os usuários do hospital conseguem se localizar melhor com relação às portas de entrada de cada setor.

Nara destinou seu projeto ao tema administrativo, adquirindo 11 novas pranchetas e 2 calculadoras para a UTI Adulto. Segundo a acadêmica, o desgaste do uso desses equipamentos coloca em risco pacientes e funcionários devido à possibilidade de infecção hospitalar. Nara ainda ofereceu orientação aos familiares dos pacientes internados na UTI sobre os motivos que determinam esse tratamento intensivo, desmistificando medos e esclarecendo dúvidas.

Ronaldo também adquiriu 10 pranchetas para a Clínica Médica e implantou o Relógio para Mudança de Decúbito. A iniciativa beneficia os pacientes acamados, que não têm condições de se mover e precisam da mudança de posição a cada 2 horas para evitar as lesões de pele, além de trazer mais conforto para o dia a dia. O projeto também vai auxiliar os técnicos de enfermagem na condução do trabalho.

Além de todas essas iniciativas, os acadêmicos ainda ministraram capacitação sobre Técnica Asséptica de Reconstituição e Diluição de Medicamentos, dentro da educação continuada que ocorre permanentemente dentro da Santa Casa de Irati, uma atualização que deve ser constante devido à evolução rápida dos medicamentos. O treinamento abrangeu todos os setores.

A enfermeira Rosali, responsável pelos estágios, elogiou a iniciativa dos acadêmicos que, vendo a real necessidade, implantaram os projetos no hospital inclusive com recursos próprios. “Essas atitudes realizadas com dedicação e amor vieram para proporcionar mais segurança, tanto para nossa equipe, quanto para aqueles que se utilizam dos tratamentos da Santa Casa de Irati”.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar