ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

Irati: Programa Ecotroca retorna com lançamento nesta quarta-feira (23)

São quatro pontos de coleta do projeto que troca material reciclável por alimento

22/08/2017

Nesta quarta-feira (23), a Prefeitura de Irati faz o lançamento oficial do programa Ecotroca: ação de alimenta a vida, às 15h, na Associação dos Servidores Públicos Municipais com a participação de autoridades e moradores dos bairros contemplados. O projeto, que terá quatro pontos nesta edição de 2017, é uma ação conjunta entre as secretarias municipais de Agricultura, Assistência Social e Ecologia e Meio Ambiente.

Os bairros Fragatas, Pedreira, Vila Matilde e Vila Raquel terão os quatro pontos de coleta de reciclável e troca por alimentos. Efetivamente, o Ecotroca vai iniciar na próxima segunda-feira (28), na Associação do Fragatas, às 13h e, na terça (29), na Associação Corajem do bairro Pedreira às 13h. Na quinta-feira (31), será no IFPR, Vila Matilde, às 8h30, e na Escola da Vila Raquel, a partir das 13h.

AÇÃO CONJUNTA DAS SECRETARIAS

Na semana passada, a equipe do Ecotroca, que é formada pelos membros das três secretarias envolvidas, promoveu reuniões com os moradores dos bairros que vão receber os pontos de coleta para dar orientações de como o programa vai funcionar neste ano. A Secretaria de Agricultura vai organizar e entregar os alimentos. “Teremos 26 tipos de alimentos disponíveis para a população. As novidades são a inclusão de ovos, pães e do sabão ecológico. A nossa fornecedora será a Cooperativa Girassol e, em todos os pontos, não teremos menos que 10 produtos de opção para a troca”, conta o secretário da pasta, Raimundo Gnatkowski.

A Secretaria de Ecologia e Meio Ambiente vai cuidar da parceria com a Cooperativa Cocair e Associação Malinoski, responsáveis pela coleta e destinação dos materiais recicláveis. “Além de estarmos colaborando com o meio ambiente, o programa vai contribuir com a renda das famílias que sobrevivem com o material reciclável arrecadado”, explica Newton Ribas, que é o secretário interino.

Outro trabalho desenvolvido no Ecotroca será o da Secretaria de Assistência Social. “Nossa equipe vai trabalhar de forma integrada, acompanhando todos os pontos de coleta. Assim, estaremos mais próximos da população, criando um vínculo maior. Queremos que as pessoas conheçam melhor nossos equipamentos e de como podemos auxiliá-las nas mais diversas situações”, destacou a secretária Sybil Dietrich.

SAIBA O QUE PODE E O QUE NÃO PODE TROCAR

São permitidos para a troca: arames, canos de PVC, ferros, fios, fogão, garrafas, geladeira, lata, livros, óleo de cozinha, papel, papelão, peças de carro de ferro, embalagens PET, plásticos, vidros.

Materiais que não são aceitos: baterias, esponja de aço, embalagens de salgadinhos, embalagens de veneno, entulho de obra, madeira, monitores, orgânicos, papel higiênico, peças de plástico de carro, pilhas, pneus, remédios, roupas, tecidos, televisão

REGRAS

A equipe do Ecotroca lembra que os moradores de outros bairros poderão realizar a troca dos recicláveis nos pontos citados, bastando levar seus materiais nos dias programados.

Como no ano passado, o Ecotroca estará a cada 14 dias em cada ponto de troca, e será mantido o limite de 20 kg de alimentos por família, sendo 3 kg de recicláveis para 1 kg de alimento, ou seja, cada família poderá trocar até 60 kg de recicláveis para trocar por até 20 kg de alimentos.

PRODUTOS

Confira quais os itens disponíveis no Ecotroca: abobrinha, acelga, agrião, alface, batata, batata doce, beterraba, brócolis, cenoura, cebola, chuchu, couve-flor, couve manteiga, escarola, espinafre, feijão, mandioca, milho verde, nabo, ovo, pão, pepino, rabanete, repolho, sabão ecológico e tomate.

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar