ouça as rádios cultura FM 93 FM
facebook instagram twitter youtube

206 anos da comemoração da Festa de Nossa Senhora do Rocio, a padroeira do Paraná, acontece em 2019

O dia de Nossa Senhora de Rocio é comemorado neste dia 15 de novembro, mas a festa em Paranaguá prossegue até o domingo (17).

15/11/2019

Paranaguá, no litoral paranaense, abriga o Santuário Estadual de Nossa Senhora do Rocio, a padroeira do estado do Paraná. Neste ano de 2019 é comemorado a  ducentésima sexta edição da Festa Estadual de Nossa Senhora do Rocio.

A programação iniciou no dia 3 de novembro e prossegue até o dia 17. O ponto alto da festa é neste dia 15 de novembro, dia de Nossa Senhora do Rocio, cuja programação inicia às 6h30 com a oração do terço no Santuário, 7h30 missa no Santuário, 10h missa solene presidida pelo Bispo Diocesano dom Edmar Peron, no palco central da Praça da Fé, 12h30 - 14h e 15h missas no Santuário, 16h  206ª procissão solene do Santuário até a Catedral, 21h show com Michel Telló na Praça da Fé. 

Um pouco da história

Há mais de 300 anos, surgiu uma devoção em Paranaguá, no litoral do Paraná, que ganhou o título de Nossa Senhora do Rocio. Sua história se popularizou e ganhou o coração do povo paraense, tanto que ela foi proclamada padroeira deste estado. Anualmente, no mês de novembro, milhares de pessoas passam pelo Santuário dedicado à Padroeira e muitos são os relatos de curas e milagres por essa devoção.

Assim como Fátima, Lourdes e Aparecida, a devoção a Nossa Senhora do Rocio é única no mundo. A atual imagem de Nossa Senhora do Rocio é uma representação de Nossa Senhora do Rosário e, assim como em Aparecida, a imagem original remete à Nossa Senhora da Conceição. 

Exatamente como a Padroeira do Brasil, a imagem de Nossa Senhora do Rocio também ressurgiu das águas. Ela foi encontrada numa pesca milagrosa nas redes de um pescador, o pai Berê, no século XVII, na baía de Paranaguá. Isso ocorreu por volta de 1648, após a elevação do pelourinho em Paranaguá. 

Com uma história tão singular como a fé de seus devotos, a devoção ganhou status, sendo proclamada padroeira do Paraná em 1939 e, depois, recebeu oficialização do Vaticano pelo Papa Paulo VI, em 1977. São poucos os estados brasileiros que têm essa oficialização papal.
 

 

Jorge Teles com A12 e Santuário do Rocio

 

Comentários




acompanhe a central cultura no facebook

Basta clicar no botão Acompanhar logo abaixo.

Fechar